Prefeitura

Limpeza é intensificada em rios e córregos de Guaçuí

25

Por Prefeitura Municipal de Guaçui, fonte Assessoria de comunicação da prefeitura de Guaçuí
Publicado em 22/05/2017 às 20:41  •  atualizado há 1 mês

O serviço é executado constantemente, mas devido à sujeira no local, somente o ribeirão que passa pelo Vale do Sol foi limpo seis vezes nos últimos oito meses

Texto: Superintendência de Imprensa Oficial/ Ana Paula Fassarella
Foto: Prefeitura de Guaçuí / Luiz Ferreira

Uma ação realizada constantemente, para retirada do excesso de mato e do lixo às margens de rios e córregos em Guaçuí, trabalho executado pela equipe da Vigilância Epidemiológica Municipal, em parceria com a Secretaria de Obras, Infraestrutura e Serviços Públicos. Este serviço tem como objetivo manter os espaços limpos e, assim, evitar a proliferação do mosquito transmissor da dengue e da febre chicungunha, o que resulta em mais qualidade de vida e saúde para a população.

Ribeirão Santa Cruz no Vale do Sol, córrego Santa Catarina, córrego Montevidéo e o ribeirão que corta o distrito de São Pedro de Rates foram alguns que receberam limpeza. Somente no ribeirão que passa pelo Vale do Sol, o grupo de funcionários executou o serviço seis vezes no período de oito meses – desde julho do ano passado. A limpeza mais recente no local teve início na segunda-feira retrasada, dia 02.

“Pode parecer inacreditável, mas existem moradores que logo após o serviço ser feito, novamente jogam lixo e entulho às margens de rios e córregos. Essa é uma atitude de desrespeito à natureza e também ao trabalho dos servidores que se dedicam a cuidar de um patrimônio que é de todos e que deveria ser tratado com todo zelo, como extensão da casa de cada um. Por isso, contamos com a colaboração da população”, destaca a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Ana Cláudia Souza Rodrigues.

“É importante destacar a imensa quantidade de lixo e entulho encontrada pelos funcionários da prefeitura. São retiradas, por exemplo, peças de guarda roupas, tanquinhos, sacolas com lixo, roupas, brinquedos, garrafas pet e até animais em estado de decomposição”, enfatiza Ana Cláudia Souza Rodrigues.

Segundo informações do setor de Limpeza da Secretaria Municipal de Obras, para acondicionamento adequado do lixo, a prefeitura de Guaçuí disponibiliza 449 pontos de coleta distribuídos na sede e no interior do município, equipados com bombonas ou bancas ou caçambas.

Trabalho de acordo com normas ambientais

Conforme a Instrução Normativa 196 do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), de outubro até 28 de fevereiro é proibido o desassoreamento, a limpeza e a dragagem de calhas de rios, ribeirões, córregos, canaletas, reservatórios naturais e artificiais, serviços esses que sejam executados por máquinas de qualquer tipo, pois desse modo, caso haja uma chuva forte, pode causar desmoronamento das áreas às margens dos rios.

A medida também visa à proteção da reprodução natural dos peixes. “Por isso, a limpeza realizada pela prefeitura de Guaçuí é feita manualmente, o que resulta num processo mais lento e trabalhoso”, completa Ana Cláudia Souza Rodrigues.


Informações para a imprensa
Superintendência de Imprensa Oficial
comunicacao@guacui.es.gov.br
www.guacui.es.gov.br
www.facebook.com.br/prefeituradeguacui
www.youtube.com/prefeituradeguacui
www.twitter.com/guacui_gov
(28) 3553-3389

*Os textos produzidos pela assessoria de comunicação da prefeitura de Guaçuí podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte: Assessoria de Comunicação/ Prefeitura de Guaçuí.
 

Fotos

Limpeza é intensificada em rios e córregos de Guaçuí

https://guacui.es.gov.br/noticia/2017/05/limpeza-e-intensificada-em-rios-e-corregos-de-guacui-rbscf.html

Publicações relacionadas

Aguarde, enviando dados!

clear

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

aceitarpolítica de privacidade