Prefeitura

Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor: Vera Costa vence etapa estadual e concorre na fase nacional

20

Por Prefeitura Municipal de Guaçui, fonte Assessoria de comunicação da prefeitura de Guaçuí
Publicado em 22/05/2017 às 20:43  •  atualizado há 3 meses

O projeto de reestruturação da feira livre do produtor rural de Guaçuí foi o único premiado das regiões Sul e Caparaó
 
Ampliação entre 30% e 40% na renda dos produtores rurais, com melhoria da qualidade de vida e incentivo ao empreendedorismo. Esses foram os principais resultados alcançados pelo projeto de reestruturação da feira livre do produtor rural de Guaçuí. As mudanças positivas possibilitaram a conquista do Prêmio Prefeito Empreendedor, na categoria Pequenos Negócios no Campo, pela prefeita Vera Costa. O prêmio, que está na 8ª edição, é realizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

A cerimônia de premiação foi realizada na capital Vitória, na noite desta quinta-feira (24). Dos 21 projetos inscritos na etapa estadual (vindos de 17 municípios capixabas), cinco foram vencedores. A única cidade premiada nas regiões Sul e Caparaó foi Guaçuí, que vai disputar a etapa nacional, cujo resultado será anunciado no dia 03 de junho, em Brasília, no Distrito Federal.

O momento do anúncio da prefeita Vera Costa como vencedora na categoria Pequenos Negócios no Campo foi de muita emoção para a gestora. Ela quase não conteve as lágrimas e lembrou da motivação para a execução do projeto de reestruturação da feira livre da cidade.

“Estou muito emocionada porque sempre vimos a situação crítica dos nossos feirantes e procurávamos alguma forma de minimizar o sofrimento deles. Foi quando tivemos a ajuda do Sebrae para começarmos um movimento de modernização das nossas feiras livres. É um processo longo, mas duradouro. Cremos que conseguiremos melhorar ainda mais o projeto no decorrer do ano.  Vai ser uma alegria voltar a Guaçuí com mais uma boa notícia para os feirantes e para todo o nosso povo, porque é por eles que trabalhamos”, disse emocionada.

Entre os gestores municipais apontadas pelo Sebrae como os mais empreendedores do estado estão: na categoria Melhor Projeto o vencedor foi o prefeito Amadeu Boroto, de São Mateus; em Desburocratização, Leonardo Deptulski, de Colatina; e em Novos Projetos, Gilson Daniel Batista, de Viana. Já na categoria Pequenos Negócios no Campo houve empate e dois prefeitos foram premiados: Vera Costa, de Guaçuí, e Romero Luiz Endringer, de Santa Leopoldina. Mas, neste caso, pelos critérios de desempate, somente Guaçuí vai disputar a etapa nacional. Neste grupo, concorreram também outros dois municípios: Anchieta e Governador Lindenberg.

O diretor-superintendente do Sebrae-ES, José Eugênio Vieira, destacou a importância do prêmio aos prefeitos. “O gestor público é comumente alvo de muitas críticas quando erra, mas infelizmente pouca gente se lembra dos seus grandes feitos. Essa é uma oportunidade que temos para mostrar à sociedade que existem trabalhos sérios sendo realizados por todo o Espírito Santo. Continuaremos a fomentar o empreendedorismo pelo Estado, sempre dando o devido destaque ao que há de melhor nesse ramo”, afirmou.

Nova feira livre: qualidade de vida para os produtores rurais de Guaçuí
 
Desde 1983 em funcionamento na cidade, a feira livre do produtor rural necessitava de organização, além de mais apoio por parte da administração municipal aos 36 agricultores participantes e suas famílias.

Por meio do projeto de reestruturação, realizado pela prefeitura de Guaçuí em parceria com a Secretaria de Estado da Agricultura Pecuária, Abastecimento e Pesca (Seag) e apoio do Sebrae-ES, foram adquiridas 36 barracas padronizadas para comercialização da produção rural. O local de funcionamento passou a ser a praça João Acacinho, e não mais o galpão antes alugado pela prefeitura, espaço que já não era ideal. A montagem das barracas fica por conta de servidores municipais e a desmontagem sob responsabilidade dos feirantes.

O dia da feira também mudou: em vez de sábado pela manhã, passou a ser às quartas e sextas-feiras a partir das 17 horas, o que resultou em conforto para os produtores, que não precisam mais acordar de madrugada para transportar os produtos. A mudança também contribuiu para o aumento das vendas, pois a feira está em local, dias e horário de maior circulação de consumidores no centro da cidade.

Os feirantes foram organizados por meio da Associação da Feira Livre do Produtor Rural de Guaçuí, com objetivo de assegurar a união dos participantes, o que facilita a oferta de capacitação.
 
“As mudanças promovidas foram importantes, pois trouxeram novos clientes, aumentaram as vendas e, por isso, tivemos que ampliar a plantação e gerar emprego na roça. Sem o apoio do município, nós não estaríamos no estágio que estamos hoje. Com as ideias conjuntas e a vontade e estrutura da prefeitura, as perspectivas são as melhores”, comenta o presidente da Associação dos Feirantes de Guaçuí, Gerson Alves Vargas.

A produtora rural Elaine Alves de Souza também está muito satisfeita com os avanços alcançados pelos produtores em parceria com o poder público. “A prefeitura não mediu esforços para apoiar a feira. A estruturação contou com a equipe da Secretaria Municipal de Agricultura. A construção das mudanças foi feita com diálogo, fomos respeitados e ouvidos. Um dos resultados da organização da feira, no meu caso, foi o aumento das vendas em torno de 40%”, comemora.

Entenda como funciona o prêmio
 
Realizado a cada dois anos, o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor visa reconhecer e incentivar gestores públicos de todo o Brasil que implantam projetos com resultados comprovados de estímulo ao surgimento e ao desenvolvimento de pequenos negócios e à modernização da gestão pública, contribuindo de forma efetiva para o desenvolvimento econômico e social do município.

Na etapa estadual, após a inscrição realizada pelas prefeituras, a comissão julgadora avalia cada projeto, a fim de analisar se estão aptos a concorrer, ou seja, se atendem aos critérios exigidos no regulamento proposto pelo Sebrae.

No Espírito Santo, a comissão julgadora é composta por entidades representativas das micro e pequenas empresas: Banco de Desenvolvimento do ES (Bandes), Transparência Capixaba (organização não-governamental), Sistema OCB-Sescoop, Federação da Agricultura (Faes), Movimento ES em Ação, Federação do Comércio (Fecomércio), Secretarias Estaduais de Gestão Estratégica (Seger) e de Assistência Social e Direitos Humanos (Seadh), Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN), Federação das Indústrias (Findes) e Universidade Federal do ES (Ufes).

Em seguida, vem a fase de pré-seleção, em que é atribuída uma nota aos inscritos. Aqueles que não atingem o mínimo de 50 do total de 100 pontos são eliminados. Após esta avaliação, os aprovados recebem visita técnica da equipe julgadora e uma nova pontuação, que define os vencedores na etapa estadual. Estes estão aptos a participar, finalmente, da competição nacional.

Etapa nacional do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor
Cerimônia de anúncio dos vencedores em cada categoria
Dia 03 de junho, às 18h, na sede do Sebrae, em Brasília (DF)


Texto: Superintendência de Imprensa Oficial/ Ana Paula Fassarella
Com informações do Sebrae-ES
Foto: Jackson Vimercati Passos
 
 
Mais informações:
Superintendência de Imprensa Oficial

Fotos

Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor: Vera Costa vence etapa estadual e concorre na fase nacional

https://guacui.es.gov.br/noticia/2017/05/premio-sebrae-prefeito-empreendedor-vera-costa-vence-etapa-estadual-e-concorre-na-fase-nacional-satcp.html

Publicações relacionadas

Aguarde, enviando dados!

clear

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

aceitarpolítica de privacidade