Prefeitura

Polícia Ambiental Restaura Piso Feito por Antônio Francisco Moreira

22

Por Prefeitura Municipal de Guaçui, fonte Assessoria de comunicação da prefeitura de Guaçuí
Publicado em 22/05/2017 às 20:47  •  atualizado há 4 meses

A Sede da Polícia Militar Ambiental em Guaçuí, construída no início dos anos 50 no século passado na gestão do então Governador do Estado Jones dos Santos Neves, há pouco mais de dois anos foi reformada e nela mantém preservada uma parte valorosa da história do município.
Além da bela placa na parte frontal que foi cuidadosamente polida tendo preservada sua originalidade, o piso hidráulico da varanda com cerca de 13 metros quadrados, nesta última semana foi cuidadosamente restaurado com dicas de um especialista que ainda fabrica esse tipo de piso, e vistoriado pela artista plástica Aline Paula membro fundadora da Academia Guaçuiense de Letras e Cultura do município . 
O piso foi construído pelo arquiteto, desenhista, pintor e escultor autodidata, Antônio Francisco Moreira um dos ícones da história guaçuiense.
 
A intenção de recuperar o piso começou logo no início da reforma predial por conta de sua beleza, sendo ainda mais reforçada por ocasião da inauguração do sistema de videoconferência, quando o Desembargador Dr. Alemer Ferraz Moulin esteve na sede da Polícia Ambiental e inaugurou o sistema falando diretamente à época com o Comando do BPMA.
O próprio Dr. Alemer Ferraz Moulin relembrou a história do piso e dos talentos do guaçuiense Antônio Francisco Moreira falecido há 30 anos, como também, a construção de cinco monumentos ao Cristo Redentor feitos pelo artista nas cidades de Guaçuí (inaugurado em 1956), Itaperura-RJ (inaugurado em 1966), Rio Novo-MG (inaugurado em 1970), Colatina (1974) a maior de todas com 35,5 metros, Mimoso do Sul (inaugurado em 1982) e ainda outras obras como a Nossa Senhora de Monte Serrat em São Paulo, tida como a segunda maior do Brasil ficando atrás apenas do Cristo Redentor no Rio de Janeiro.
 
O artista construiu ainda a imagem de São Miguel Arcanjo que fica no topo da Igreja Matriz de Guaçuí, além de outras esculturas menores, quadros, canoas de madeira, pisos, bancos, cochos etc.
 
Aline Paula ficou muito entusiasmada e surpresa pela iniciativa da Polícia Ambiental, até porque ocupa a cadeira na Academia Guaçuiense de Letras que leva o nome justamente do artista Antônio Francisco Moreira, e na oportunidade, catalogou mais esse feito com fotos registros e outras informações, e declarou que “a Polícia Ambiental além dos extraordinários feitos em nossa região, também com muita sensibilidade, competência e respeito à história de Guaçuí, está preservando e contribuindo com a nossa rica história. Só tenho a agradecer e certamente utilizarei o registro dessa restauração, para inserir na biografia de Antônio Francisco Moreira a qual já estou trabalhando”.
 
 
Roberto MARTINS - Capitão PM / Divulgação
BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL
(28) 9885-0094   (28) 3553-1398
facebook.com/roberto.martins.37604
 

Fotos

Polícia Ambiental Restaura Piso Feito por Antônio Francisco Moreira

https://guacui.es.gov.br/noticia/2017/05/policia-ambiental-restaura-piso-feito-por-antonio-francisco-moreira-rscub.html

Publicações relacionadas

Aguarde, enviando dados!

clear

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

aceitarpolítica de privacidade